Quase 8% dos médicos paulistas percorre mais de 400 km por semana no trajeto de ida e volta da casa ao trabalho. Para uma semana de cinco dias, significam mais de 80 km diários. Entre os médicos que trabalham no interior, 9,8% percorrem essa distância, contra 5,6% daqueles que atuam na capital. Parte importante dos médicos do interior trabalha em 2 ou mais cidades, enquanto na capital muitos atendem em bairros distantes uns dos outros.

No entanto, quase um terço dos médicos do interior (31,2%) percorre distância de até 25 km por semana.

Distância percorrida em uma semana de trabalho pelos médicos respondentes ao inquérito, divididos em capital e interior, com valores absolutos e relativos (percentuais), acompanhados dos respectivos Intervalos de Confiança de 95%.

 Capital NCapital %Interior NInterior %Total NTotal %
Total337100,0%337100,0%674100,0%
Até 25 km7722,8% (18,4% - 27,3%)10531,2% (26,1% - 36,2%)18227% (23,7% - 30,4%)
De 26 a 50 km5817,2% (13,1% - 21,4%)5917,5% (13,4% - 21,7%)11717,4% (14,5% - 20,5%)
De 51 a 100 km7722,8% (18,4% - 27,3%)4914,5% (11% - 18,4%)12618,7% (15,7% - 21,5%)
De 101 a 250 km8124% (19,3% - 28,8%)6017,8% (13,6% - 21,7%)14120,9% (17,7% - 24%)
De 251 a 400 km257,4% (4,7% - 10,4%)319,2% (6,5% - 12,5%)568,3% (6,4% - 10,4%)
401 km ou mais195,6% (3,3% - 8%)339,8% (6,8% - 13,3%)527,7% (5,6% - 9,9%)