Os médicos paulistas de meia idade – entre 35 e 60 anos – são em maior número no grupo que trabalha no público e no privado ao mesmo tempo – somam 55,8% contra 33,7% entre os de faixa etária abaixo de 35 anos e 10,4% entre aqueles acima de 60 anos. Esses mais idosos estão mais presentes no serviço privado, 27,5%, enquanto os mais jovens atuam mais no setor público, 37,0%, e em ambas as esferas, 33,7%.

Idade dos médicos respondentes ao inquérito, divididos por natureza da área de atuação, com valores absolutos e relativos (percentuais), acompanhados dos respectivos Intervalos de Confiança de 95%.

 Público NPúblico %Misto NMosto %Privado NPrivado
Total146100%335100%193100%
<35 anos5437% (29,5% - 45,2%)11333,7% (28,4% - 39,1%)3719,2% (14% - 24,9%)
35 a 60 anos7047,9% (39,7% - 56,2%)18755,8% (50,1% - 61,2%)10353,4% (46,6% - 60,6%)
>60 anos2215,1% (9,6% - 21,2%)3510,4% (6,9% - 13,7%)5327,5% (20,7% - 33,7%)